Ar-condicionado automotivo: funcionamento e manutenção - Ultracar

Ar-condicionado automotivo: entenda seu funcionamento e manutenção

O ar-condicionado automotivo tem funções que vão além de oferecer o conforto ao motorista e aos passageiros. Atualmente o ar também tem a função de oferecer segurança, uma vez que com ele é possível manter os vidros sempre fechados.

Entender a sua composição e o objetivo de cada parte são importantes para a manutenção e para a preservação da saúde dos ocupantes do carro, principalmente contra a poluição.

Um sistema de ar que aspira uma grande quantidade de sujeira – o ar-condicionado automotivo filtra o ar das ruas para dentro dos carros – precisa de um bom acompanhamento, para que isso não afete a saúde de quem está dentro do carro.

Então, para entender mais, vamos começar pelos componentes do ar-condicionado e sobre a finalidade de cada um deles:

Composição do ar-condicionado automotivo

O ar-condicionado tem seis funções fundamentais: aquecimento, arrefecimento, umidificação, renovação, filtragem e ventilação. Tais funções regulam a temperatura interior do carro, a umidade, a limpeza e o movimento.

Tudo isso é feito por um sistema simples que compõe a sua estrutura. São eles o compressor, o condensador, o evaporador, a válvula de expansão e o filtro secador.

Compressor: É o que leva o gás para esfriar o ar e é o principal componente do sistema.

Condensador: É um mini radiador que esfria o ar quente comprimido.

Evaporador: O contrário do Condensador. É um mini radiador que transforma o líquido super frio em frio, logo antes de atingir seu rosto.

Válvula de Expansão: Controla o fluxo do gás super frio para o evaporador para manter uma temperatura fria não congelante.

Filtro Secador: É uma segurança para o compressor. Já que ele só suporta comprimir o gás, impede que algum líquido escape e passe para o compressor.

Como fazer a manutenção do ar-condicionado automotivo?

Explique ao seu cliente que o indicado é que a manutenção ocorra a cada seis meses, com a troca do filtro do ar-condicionado e com a higienização completa dos outros componentes.

Tudo isso porque a sujeira, os fungos e as bactérias acabam se alojando não só no filtro, mas também no resto do sistema.

Essa manutenção exige um conhecimento especializado e produtor próprios.

Mostrando alto conhecimento sobre assuntos específicos, você passa confiança e credibilidade ao cliente. Isso ajuda no momento de fidelização do mesmo e faz parte do processo de gestão da sua empresa.

Como manter o ar-condicionado funcionando bem?

Estas são dicas que você pode passar aos clientes: manter o ar em funcionamento constantemente, desligar ele antes de desligar o carro e abrir os vidros se o carro estiver muito quente são ótimas atitudes.

Isso tudo por que ao contrário de outros componentes, o ar é uma ferramenta que precisa ser sempre utilizado. O desligamento do carro antes do ar gera uma quebra busca no sistema que pode afetar o compressor.

E, por último, o superaquecimento do carro, principalmente depois daquele dia inteiro embaixo do sol, pode ter chegado ao sistema de ar. Abrir as janelas e rodar alguns metros com o carro ajuda o equipamento e ainda resfriam o ambiente mais rápido.

Conheça o serviço de consultoria Ultracar e melhore os resultados da sua oficina.

Quais são os problemas mais comuns do ar-condicionado?

Os problemas mais comuns se encontram na ventoinha do condensador, no fusível do compressor queimado ou no próprio compressor. São defeitos mais fáceis de ocorrer pela própria composição e método do equipamento.

Porém, o número um é a falta de gás que ocorre, na maioria das vezes, por vazamento. Por isso, a manutenção do ar em oficinas especializadas é importante.

Ter atenção aos componentes do ar é fundamental para ser certeiro na hora de localizar o defeito ou na hora de fazer a manutenção do equipamento. O problema pode ser mais simples e pode estar mais próximo do que você imagina.

Fique atento e aproveite as dicas para aprimorar mais os conhecimentos sobre o ar-condicionado automotivo e encantar seus clientes!

Não esqueça de deixar seu comentário, dúvida ou sugestão aqui embaixo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *